Domingo, 27 de Setembro de 2020 12:30
65 99913-1386
Política ELEIÇÕES 2020

Horário de votação é estendido; idoso terá prioridade de manhã

Tribunal Superior Eleitoral determinou que votação começa às 7h e termina às 17h do dia 15 de novembro

30/08/2020 10h54
Por: FABIO CESAR Fonte: Midia News
Horário de votação é estendido; idoso terá prioridade de manhã

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu que o horário das eleições municipais deste ano será ampliado em uma hora. A votação será aberta às 7h e encerrada às 17h (horário local). A medida foi tomada em razão da pandemia do novo coronavírus. O pleito está marcado para ocorrer no dia 15 de novembro.   

As eleições anteriores aconteciam entre 8h e 17h.

A informação foi repassada pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso, desembargador Gilberto Giraldelli na manhã desta sexta-feira (28,) em coletiva de imprensa.

Giraldelli anunciou ainda que os idosos – que são parte do grupo de risco da Covid-19 – terão prioridade na votação.

“Nós iniciaremos às 7h da manhã, ao invés das 8h como era usual, e finalizaremos às 17h. Nessa providência, foi adicionado um aspecto que acho de fundamental importância, relacionada ao grupo de risco, que são os idosos. Eles terão uma preferência no horário das 7h às 10h, ou seja, há uma faixa de horário destinada à votação dos idosos”, afirmou o presidente.

O desembargador lembrou que, para a segurança dos eleitores e mesários, a identificação por meio de biometria foi suspensa. Agora, os eleitores deverão se identificar com título de eleitor e foto.

Outras providências 

De acordo com Giraldelli, os eleitores deverão comparecer de máscara às sessões eleitorais e nestes locais terá uma marcação para que haja o distanciamento mínimo entre as pessoas.

Nos locais, ainda haverá uma bandeja para que as pessoas depositem seus documentos. Desta forma, mesários e eleitores não terão contato direto um com o outro.

“Apresentando os documentos, ele irá colocar em uma bandeja os documentos. O presidente da sessão fará a identificação e em seguida liberar esse eleitor para se dirigir até a urna eletrônica”, explicou o desembargador.

“Nós teremos distanciamento, marcação do piso, com distanciamento de 1 metro ou 1,5 m. Ainda iremos estudar. Evidentemente o eleitor deverá estar usando máscara. Também recomendamos que compareçam com as próprias canetas”, completou.

A segurança sanitária dos mesários também será mantida com a utilização de equipamentos de proteção individual.

“Os mesários estarão trajando equipamentos de proteção individual: leia-se máscaras, face shield, que é a proteção acrílica, e ainda teremos álcool em gel em diversos para o eleitor e mesários”, explicou.  

Texto: Mídia News

Ele1 - Criar site de notícias