Quarta, 08 de Dezembro de 2021
30°

Pancada de chuva

Lucas do Rio Verde - MT

Saúde SAÚDE

Lucas do Rio Verde realiza 1ª neurocirurgia cerebral para retirada de tumor

O procedimento foi feito graças ao contrato de gestão firmado entre a Prefeitura e a Fundação Luverdense de Saúde

18/11/2021 às 12h46
Por: ASCOM Fonte: Por Ramos Júnior
Compartilhe:
Lucas do Rio Verde realiza 1ª neurocirurgia cerebral para retirada de tumor

Graças ao contrato de gestão firmado entre a Prefeitura de Lucas do Rio Verde e a Fundação Luverdense de Saúde, uma neurocirurgia inédita foi realizada no município para remover um tumor volumoso benigno (meningioma) no cérebro de uma idosa de 72 anos, no Hospital São Lucas. A operação aconteceu no último dia 15 de novembro e durou cerca de sete horas.


O método utilizado foi a microcirurgia, usando lupa. O procedimento foi realizado com sucesso e a paciente está evoluindo bem na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) com previsão de alta para a enfermaria nos próximos dias. 


“Este é um procedimento que antes dependíamos do Estado para realizar, o que muitas vezes demorava muito além do que o paciente poderia esperar, além de muitos somente serem realizados através da judicialização. Ofertar este serviço, com a qualidade que está sendo realizado, é um compromisso desta gestão e representa o empenho com que a Secretaria de Saúde tem trabalhado na busca de melhores serviços para a nossa população”, declarou a secretária de Saúde, a médica Fernanda Heldt Ventura.


A cirurgia, considerada de alta complexidade, contou com uma equipe de três profissionais, formada pelos neurocirurgiões Catarine Ottobeli e Joubert Almeida, além do instrumentador cirúrgico Adonias Dantas.


Foi a primeira vez que o Sistema Único de Saúde (SUS) em Lucas do Rio Verde realizou uma neurocirurgia de tumor cerebral. “Comemoramos a conquista de poder ofertar o serviço de neurocirurgia aos moradores de Lucas do Rio Verde. Somos conhecedores da importância da assistência especializada no município de residência”, disse, sorrindo, a secretária-adjunta de Saúde, Karina Xavier.


Sobre o tumor

O meningioma, em particular com o diâmetro menor que 2 centímetros, está entre os tumores intracranianos mais comuns. O meningioma é o único tumor cerebral mais comum em mulheres. Tende a ocorrer entre 40 e 60 anos de idade, mas pode surgir na infância.


Esse tumor benigno pode se desenvolver em qualquer porção da membrana dura-máter, com mais frequência sobre as convexidades, próximo aos seios venosos, na base do crânio e na fossa posterior e, raramente, nos ventrículos. Pode haver múltiplos meningiomas. Os meningiomas comprimem, mas não invadem, o parênquima cerebral. Podem invadir e distorcer o osso adjacente.


Há vários tipos histológicos, todos com evolução clínica similar e alguns se tornam malignos.


Os sintomas dos meningiomas dependem da parte do cérebro que está sendo comprimida e, portanto, da localização do tumor. Os tumores da linha média em idosos podem causar demência com outros poucos achados focais.

SAÚDE

Lucas do Rio Verde - MT Atualizado às 16h16 - Fonte: ClimaTempo
30°
Pancada de chuva

Mín. 24° Máx. 30°

Qui 31°C 22°C
Sex 33°C 23°C
Sáb 32°C 22°C
Dom 32°C 23°C
Seg 33°C 23°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Enquete
Ele1 - Criar site de notícias